26.1 C
Piçarras
terça-feira 16 de abril de 2024


Prisma promove Sarau de Poesia entre os alunos

Ouça a Matéria

‘É preciso não esquecer nada: nem a torneira aberta, nem o fogo aceso, nem o sorriso para os infelizes, nem a oração de cada instante’. Primeiro verso da poesia, ?É preciso não esquecer nada?, é de Cecília Merieles e foi declamado pelos alunos do 4º e 5º ano do Centro Educacional Prisma durante o 2º Sarau da Poesia. Essa foi umas das 32 apresentações realizadas na tarde da última quarta-feira, 29.
O evento literário reuniu todos os alunos da instituição, desde o maternal até o ensino médio. Entre recitais, apresentações teatrais e musicais e contação de histórias a direção da escola buscou um único objetivo: despertar o gosto pela literatura. “É uma atividade totalmente voltada para estimular o gosto pela leitura das obras contemporâneas com expressividade nacional”, explica a diretora, Márcia Celina de Souza.
Escritores como Ruth Rocha, Cecília Meireles e Vinícius de Moraes foram os mais trabalhos pelos alunos. Até o escritor local, Gilberto Cardoso, foi lembrado com a interpretação de um dos seus poemas. Este em homenagem à Alcina Figueredo, carinhosamente conhecida por Dona Alcina. “A diversidade das apresentações mostra a criatividade dos alunos e também merece destaque”, ressalta Celina.
“Conheci pessoalmente Ruth Rocha e Cecília Meireles”, conta em tom de brincadeira, referindo-se a duas alunas que interpretaram as escritoras, na maquiagem e figurino. Com a realização da segunda edição e já inclusão oficial do evento em seu calendário escolar, a direção do Prisma já começa a pensar na terceira edição. “Agora é hora de pensar no próximo evento e elaborar temas e definir novas abordagens”, finaliza a diretora.
 

Foto por: Gentileza | Cleiton Reinert | GU

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você