33.4 C
Piçarras
sábado 24 de fevereiro de 2024


Balneário Piçarras prepara ações para cobrar maior efetivo policial

Ouça a Matéria

Poder Público e comunidade estão se unindo para cobrar maior segurança junto ao Governo do Estado. Diante de constantes furtos e os recentes homicídios, autoridades se reuniram para discutir a realidade do setor e a população prepara uma passeata e uma petição on-line para manifestar seu descontentamento com a atual situação.

Na última segunda-feira, 24, o prefeito Leonel Martins (PSDB) se reuniu com o Comandante da Polícia Militar local, o 2º Tenente João Gabriel de Moura Iglesias e com o o Delegado de Polícia Civil, Dr. Wilson Masson, em busca da elaboração de um planejamento estratégico para segurança pública.

“Desde 2013 estamos nessa luta com a Secretaria de Segurança Pública na busca da ampliação de efetivos policiais à nossa cidade”, declara Leonel. O ponto crucial da discussão foi a necessidade de aumentar o efeito policial. Segundo o Tenente Iglesias, hoje, 19 policiais atuam, divididos em turnos, para atender a cidade inteira.

Na reunião, ficou firmada mais uma vez a parceria entre o município e os órgãos de polícia para solicitar ao Governo do Estado mais efetivos policiais à nossa cidade, além de campanhas institucionais de combate ao crime. Enquanto o Governo do Estado se mantém inerte a questão, a comunidade se articula para iniciar uma cobrança mais efetiva.

Uma passeata vai acontecer neste domingo, 30. Com pontos de saída dos bairros Itacolomi, Nossa Senhora da Paz, Santo Antônio e Centro, às 15h, os moradores pretendem se encontrar no molhe da Avenida Getúlio Vargas. A indicação é para uso de branco e cartazes alusivas a paz.

“Precisamos lutar por mais segurança”, definiu Jhoseffer Chucky, um dos organizadores da passeata. Também já estão sendo recolhidas assinaturas em uma petição online (https://goo.gl/r6Xi84), que será entregue ao Secretário de Segurança Pública de Santa Catarina, Dr. César Augusto Grubba.

APOIO

A prefeitura fez diversos investimentos em segurança pública em Balneário Piçarras, como por exemplo: a aquisição de 20 câmeras de monitoramento com software reconhecimento facial, reforma e ampliação do batalhão da Polícia Militar e Delegacia de Polícia Civil, aquisição de veículos, rádio patrulha, cessão de servidores municipais para funções administrativas nos órgãos. “A prefeitura, na medida do possível, tem nos auxiliado e muito, mesmo não sendo dever do município fazer isso”, exaltou o delegado Masson. 

 

 

 

 

 

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você