28.4 C
Piçarras
sexta-feira 23 de fevereiro de 2024


25 de outubro: esse é prazo de liberação do trânsito na ponte sobre o Rio Gravatá

Nova ponte, que vem sendo construída desde o dia 5 de abril, terá 26 metros de extensão e 14,8 metros de largura e um vão maior

Ouça a Matéria

A Prefeitura de Penha estipulou um prazo para liberar o trânsito na ponte sobre o Rio Gravatá: dia 25 de outubro. Em comunicado, o Governo Municipal citou que a data foi confirmada pela empreiteira responsável pela obra, iniciada oficialmente em 5 de abril, e que neste momento está na etapa de instalação das vigas mestras e pré-moldados da nova estrutura.

“Alcançamos a etapa final da obra e recebemos essa importante informação da empresa sobre a liberação do tráfego, situação que devolve a normalidade à região”, detalha o prefeito de Penha, Aquiles da Costa. Também nos próximos dias, a estrutura será concretada para que – superado o tempo de cura – a nova ponte receba a camada asfáltica.

Pelo projeto idealizado pela Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí, a nova ponte – que também possui viés arquitetônico turístico – terá 26 metros de extensão e 14,8 metros de largura e um vão maior, justamente para facilitar a navegação dos pescadores artesanais. Ciclovia e passeio também compõe a estrutura.

“Uma obra que vai melhorar a mobilidade entre Penha e Navegantes, além do quesito segurança, já que a ponta apresenta sinais perigosos de alta corrosão. Esse vão mais elevado vai favorecer a passagem de embarcações, especialmente da pesca artesanal, que utiliza o canal como forma de chegar ao oceano em busca do sustento familiar diário”, detalha o prefeito.

MUDANÇA NOS ARCOS E MAIS PRAZO

Por conta de uma mudança necessária nos arcos decorativos da ponte – diante da ausência de aço no mercado – a Prefeitura de Penha vai prorrogar o prazo contratual de conclusão da obra em mais 90 dias.  “O projeto dos arcos precisará ser readequado e por conta disso também precisaremos, por força de Lei, prorrogar o prazo de conclusão. Porém, com o trânsito liberado, é uma situação de menor interferência social”, explica Aquiles.

A empresa vencedora da licitação tem prazo de seis meses para concluir a obra, que iniciou em 5 de abril.  A Construtora Hejos venceu a licitação com a proposta de R$ 2.438.757,20 – exatos R$ 330.344,67 a menos do valor previsto no edital, lançado a R$ 2.769.101,87.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você