25 C
Piçarras
terça-feira 16 de abril de 2024


Canoísta é confundido com tubarão, em Balneário Piçarras

“A v1 é uma canoa polinésia com aproximadamente 7,4 metros e ela é muito estreita, bem de longe passa essa impressão. Mas, não era tubarão não”, assegurou

Ouça a Matéria

O vídeo de um suposto tubarão rasgando a costa de Balneário Piçarras viralizou na internet esta semana. Filmado do alto de um arranha-céu em construção, a baixa qualidade do vídeo impede a visualização absoluta do elemento, que na realidade é o canoísta Cesar Grossi, navegando até a Praia do Grant, em Barra Velha.

O vídeo viralizou em um popular perfil Eu Amo Piçarras, no Instagram, que solicitou a opinião das pessoas sobre o relato narrado no vídeo. O vídeo obteve mais de 21 mil visualizações e mais de 1.100 compartilhamentos – para 126 comentários diretos. A repercussão motivou o canoísta a dar sua versão ao administrador do @euamopicarras.


Ele mostrou o vídeo de sua navegação, passando justamente pela Laje do Jacques, onde o registro de vídeo foi feito. Afirmou que se trata de uma cona polinésia, de tamanho diferente das tradicionais. “A v1 é uma canoa polinésia com aproximadamente 7,4 metros e ela é muito estreita, bem de longe passa essa impressão. Mas, não era tubarão não”, assegurou.

No dia em questão, Cesar – que pode ser nos perfis @mongedosurf do @canoaibaque – saiu para navegar partido da Barra Sul, em Balneário Piçarras, até a Praia do Grant, em Barra Velha.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você