21.1 C
Piçarras
domingo 10 de dezembro de 2023


Luta das mulheres negras foi tema de roda de conversa realizada na Câmara de Penha

Ouça a matéria

Na quarta-feira, 8, a Procuradoria Especial da Mulher da Câmara de Vereadores de Penha realizou um evento voltado ao empoderamento e conscientização sobre da luta das mulheres negras. O encontro contou com a presença da vereadora de Florianópolis, Tânia Ramos e da afroartista plural TAYÁ, que conduziram uma roda de conversa.

CLIQUE AQUI PARA VER AS FOTOS DO EVENTO

O tema “Mulheres negras e suas Lutas” norteou o bate-papo, que contou com a presença da comunidade e ainda do grupo de capoeira Beribazu, coordenado pelo mestre de capoeira Fábio Nunes, que é professor de educação física e artesão.

A abertura do evento foi realizada pelo procurador especial da mulher, vereador Luiz Fernando Vailatti (Podemos), o Ferrão, e também pelo procurador-adjunto, vereador Mário Marquett (União).

Outra importante participação do evento foi do coordenador da concessionária Águas de Penha, Alex Schwabe, que falou do programa “Respeito dá o tom”, desenvolvido pela empresa com o objetivo de promover a equidade e combater o preconceito.

“Foi potente estar ao lado de Tânia Ramos, que carrega tanta representatividade aqui no estado e em Florianópolis. Quão pungente é estarmos ocupando esses espaços de poder […] Só quem vive o racismo, quem tem a pele, sabe o que o racismo faz com a gente, em todos os níveis. E é a partir disso, dessa vivência, que a gente consegue pensar em um futuro que seja cada vez mais igual para todos”, ressalta TAYÁ, que é atriz, cantora, poeta, slamer e produtora cultural. 

Tânia Ramos também ressaltou a importância da comunidade negra ocupar espaços como a Câmara de Vereadores, onde muitas decisões importantes são tomadas e agradeceu o convite recebido pela Procuradoria Especial da Mulher. “Gostaria de agradecer a Câmara de Penha pelo debate muito importante para a nossa sociedade que é vida e a luta das mulheres negras. Faço um agradecimento especial ao vereador Ferrão e também para essa mulher potente, a TAYÁ, que participou do debate e trouxe suas valorosas contribuições”, afirma a vereadora de Florianópolis.

“Cada vez mais a Câmara de Vereadores tem que promover eventos como esses, no enfrentamento ao racismo e também promovendo a participação das mulheres na vida pública. A Procuradoria da Mulher tem feito a sua parte nesse sentido”, conclui Ferrão.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você