24 C
Piçarras
quinta-feira 18 de abril de 2024


PMSC prende homem que teria ateado fogo na própria residência

Ouça a Matéria

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) prendeu na noite desta segunda-feira, 12, o homem que teria ateado fogo na própria residência – localizada na Rua Alexandre Guilherme Figueredo, no centro de Balneário Piçarras.

Segundo o capitão João Gabriel de Moura Iglesias, ele estava próximo do local quando a PMSC chegou. O homem foi levado ao plantão da Polícia Civil. O capitão pontuou ainda que a situação teria se iniciado após uma discussão familiar ao longo do dia.

Na audiência de custódia, realizada nesta terça-feira,13, o juiz lhe concedeu a liberdade provisória. À Polícia Civil, ele negou a autoria do crime. O inquérito policial segue e ele pode responder por ameaça, injúria, causar incêndio expondo a perigo a vida em casa habitada.

O INCÊNDIO
O Corpo de Bombeiros Militares de Santa Catarina (CBMSC) foi acionado às 22h desta segunda-feira, 12, para ocorrência de incêndio em uma residência na Alexandre Guilherme Figueredo, no Centro, em Balneário Piçarras. Polícia apura circunstâncias.

As chamas se concentraram em uma cama de solteiro do quarto aos fundos da residência. Uma corrente de ar transportou gases aquecidos, fumaça, fuligem e calor por sobre a forração de PVC – que derreteu por completo.

Toda residência foi impactada pelo incêndio – Fotos, CBMSC

A fumaça e fuligem também atingiram os demais cômodos da residência, deixando-os impregnados, bem como todo o mobiliário, com fuligem e cinzas. Foi utilizado ainda ventilador de pressão para remover os gases da combustão do interior.

O fogo foi extinto com o uso de 200 litros de água pressurizada.  A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) foi acionada para tomar os depoimentos, uma vez que as suspeitas são de que o fogo teria se iniciado após uma briga do casal residência no local.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você