24.1 C
Piçarras
terça-feira 16 de abril de 2024


Resíduos orgânicos da Colônia de Pescadores integram produção de adubo do IMPIniciativa já coletou mais de cinco toneladas de material

Ouça a Matéria

O Instituto do Meio Ambiente de Balneário Piçarras e a Colônia de Pescadores trabalham em conjunto na produção de adubo do município. As famílias que participam da colônia receberam caixas para armazenamento de material orgânico proveniente da pesca nesta segunda-feira, 19 de fevereiro.

A entrega também incluiu pacotes de adubo produzidos na cidade. A parceria entre as instituições começou em junho de 2023 e, desde então, foram coletados cerca de 5,3 toneladas de orgânicos caracterizados como restos durante a pesca, principalmente a casca de camarões.

“Esse projeto tem uma importância especial para o IMP porque, além do benefício ambiental, ele nos traz uma aproximação com essa comunidade tradicional do município, que tem tanto a contribuir”

LIARA ROTA PADILHA

As caixas possuem tampa e vão substituir os baldes utilizados anteriormente. No ato da entrega, profissionais do IMP realizaram uma apresentação sobre os trabalhos realizados na Central de Compostagem. Foi abordada ainda a implantação dos planos de sustentabilidade do município, com o recebimento de ideias da colônia. Uma das iniciativas que passará por estudos será o recolhimento de galões de óleo do local.

“Esse projeto tem uma importância especial para o IMP porque, além do benefício ambiental, ele nos traz uma aproximação com essa comunidade tradicional do município, que tem tanto a contribuir”, enfatizou a presidente do instituto, Liara Rotta Padilha.

No bairro Lagoa, o IMP instalou a estrutura de produção de adubo, que é colocado em pacotes para a distribuição. A produção envolve diversos orgânicos em diferentes etapas. O processo pode incluir restos de alimentos, galhos de árvores e folhas secas. Alguns pacotes foram produzidos utilizando exclusivamente os resíduos do pescado e cascas de cocos verdes recolhidos na praia.

Além de ser distribuído para a população em ações do IMP, o adubo é utilizado na recuperação de margem do Rio Piçarras, nas hortas das escolas e diminui a quantidade de lixo orgânico nos aterros sanitários, gerador de gases nocivos que aumentam o efeito estufa.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você