21 C
Piçarras
quinta-feira 18 de abril de 2024


Balneário Piçarras registra 945 focos positivos do Aedes aegypti

1361 intervenções já foram realizadas para conter o avanço do mosquito transmissor da dengue, a chikungunya e do zika vírus

Ouça a Matéria

Números atualizados sobre a infestação de Aedes aegypti revelam que 453 pessoas contraíram dengue em Balneário Piçarras este ano. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, 25, revelando ainda que 945 focos larvários positivos do mosquito, transmissor da dengue, chikungunya e o zika vírus. A cidade já tem decretada a situação de emergência.

Além das situações positivadas, outros 28 casos ainda estão em processo de investigação. Até o momento, não há registro de óbito pela doença. Os agentes de endemias têm se empenhado em realizar ações de bloqueio de transmissão, contabilizando já 1361 intervenções para conter o avanço do mosquito transmissor, o Aedes aegypti.

Mais de 1.300 intervenções já foram realizadas pela equipe de endemias

“Entretanto, é importante ressaltar que essa luta não pode ser travada apenas por eles. Cada cidadão deve fazer sua parte! Recipientes que acumulam água, como pratos de vasos de plantas, devem ser preenchidos com areia para evitar que se tornem focos de proliferação. Além disso, é essencial manter calhas e ralos limpos, evitando o acúmulo de água parada”, pontua nota oficial do Governo.

Devido ao cenário atual, o prefeito Tiago Baltt (MDB) decretou situação de emergência de saúde pública, por meio do decreto 624/2023 no dia 5 de abril – documento que tem validade pelo período de 180 dias. Ele permite a realização de ações emergenciais como o ingresso em residências fechadas que apresentam necessidade de limpeza para eliminar criadouros do mosquito.

A dengue, a chikungunya e do zika vírus podem causar febre alta, náusea, dores musculares e nas articulações, que podem ser confundidos com sintomas da Covid-19. Entretanto, coceira, dor atrás dos olhos e manchas vermelhas são sintomas característicos após a picada do mosquito. Caso apresentar esses sinais, compareça ao posto de saúde mais próximo de você.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você