28.4 C
Piçarras
sexta-feira 23 de fevereiro de 2024


Celesc abre processo licitatório para construção de Subestação em Barra Velha

Ouça a Matéria

A Celesc autorizou a abertura do processo licitatório para contratação da empresa que será responsável pela construção da Subestação (SE) Barra Velha, na localidade Sertãozinho. A estrutura terá investimento previsto de R$ 11,5 milhões.

Com tensão primária de 138 mil Volts e um transformador de potência de 26,6 MVA, a SE terácapacidade para atender 12 mil Unidades Consumidoras (UCs), entre residenciais e comerciais.

Para isso, serão construídos três novos alimentadores, responsáveis pelo atendimento aos bairros Centro, São Cristóvão, Vila Nova, Sertãozinho, Escalvado, Quinta dos Açorianos e todo o município de São João do Itaperiú.

De acordo com o gerente do Núcleo Leste, Pedro Molleri, a SE Barra Velha Sertãozinho, ampliará a disponibilidade de energia da SE Piçarras em 27%, ampliando em 12 mil UCs, além das 62 mil UCs atendidas atualmente. “

É uma obra bastante esperada por nós e por toda a regiãoporque, além de melhorar a qualidade da energia fornecida aos clientes de Barra Velha, também vai beneficiar os municípios de Balneário Piçarras e Penha, hoje, atendidos pela SE Piçarras”, destaca.

A nova SE terá tecnologia de ponta, permitindo que sua operacionalização ocorra de forma remota, a partir das Centrais de Itajaí e Florianópolis, e integrada ao Sistema Digital de Supervisão e Controle da Celesc.

Ela será construída no Bairro Sertãozinho, a 450 metros da BR 101, ao lado da Empresa Cebrace, como demonstra o mapa abaixo. Com o andamento do processo licitatório dentro do prazo, o início das obras está previsto para o segundo semestre de 2020 com término para 2021.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você