24.3 C
Piçarras
domingo 25 de fevereiro de 2024


Itapema X Itajaí: Teste de liberação do acostamento da BR-101 acontece nos dias 15, 16 e 17

Ouça a Matéria

A Polícia Rodoviária Federal de Santa Catarina (PRF/SC) anunciou para os dias 15, 16 e 17 – entre 14h e 22h – o teste de liberação provisória do acostamento da BR-101 no trecho entre as cidades de Itapema e Itajaí. A medida é valida somente para o sentido Norte, nos quilômetros 151,5 ao 142,5 e do 139,6 ao 114,1 (até a ponte do Rio Itajaí Açu).

Liberação do acostamento ocorrerá até a ponte sobre o Rio Itajaí Açu (sentido Norte) – Foto, Felipe Franco

A PRF/SC confirmou que o teste vai ao encontro de solicitação dos prefeitos que formam a Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí Açu (AMFRI), com o aval da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). No dia 19, representantes dos setores se reunirão para avaliar os pontos positivos e negativos da medida.

“Veículos flagrados circulando no acostamento, fora destes trechos, datas e horários, poderão ser multados com base no artigo 193 do CTB. Trata-se de infração gravíssima, prevista com multa de R$ 880,41”, informa a PRF.

“Nessa reunião essas questões serão amplamente discutidas. A intenção é de que as liberações do acostamento entre Balneário Piçarras e Porto Belo sejam gradativas, pois há necessidade de sinalização e readequação de pista”, disse o diretor Executivo do Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da Região da AMFRI (CIM-AMFRI), Jaylon Jander.

Segundo a AMFRI, em nota publicada em novembro, entre final de dezembro e a última semana do mês de março será possível trafegar pelo acostamento da Rodovia BR-101 entre o trecho de Balneário Piçarras (limite com o município de Barra Velha) até a entrada da cidade de Porto Belo. O trecho contemplado abrange cerca de 53 quilômetros nos sentidos Sul e Norte.

“Essa questão está confirmada, mas tende a ser uma liberação gradativa. Nós também queremos um horário de liberação mais amplo, não apenas entre 14h e 22h, pois sabemos que há gargalos se formando antes desse horário”, encerrou Jaylon, consultado pelo Jornal do Comércio por ter participado diretamente das reuniões entre AMFRI, ANTT, PRF e Concessionária Litoral Sul.

A decisão foi tomada como forma de elevar a fluidez do trânsito neste trajeto. “Como já é de conhecimento de todos, o trajeto entre Balneário Piçarras e Porto Belo sofre com o grave congestionamento e durante o verão, com o número elevado de pessoas visitando a região, acaba se intensificando. O trajeto beneficiado com essa medida abrange desde a entrada do município de Porto Belo até a divisa entre Balneário Piçarras e Barra Velha, sendo nos dois sentidos, tanto Norte-Sul quanto Sul-Norte”, reforça a nota oficial da AMFRI – em novembro.

Calcula-se que serão investidos cerca de R$ 2 milhões em placas horizontais e verticais, além de uma camada de asfalto no pavimento dos acostamentos.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você