18.9 C
Piçarras
segunda-feira 22 de abril de 2024


Pescadores de BV aprovam construção de novo rancho

Ouça a Matéria

Durante uma reunião entre a Prefeitura e a Colônia de Pesca Z4 na quarta-feira, 22, os pescadores artesanais aprovaram por unanimidade a construção de um novo rancho localizado frente à Praia das Canoas, no Centro, como parte do programa de revitalização da Praia Central que está sendo executado pelo prefeito Samir Mattar. O atual rancho de madeira será desmontado e no mesmo local a Prefeitura construirá um prédio de dois pavimentos que terá 32 boxes, um para cada pescador guardar seus materiais de trabalho, além de um banheiro e um quiosque.
A reunião contou com a presença do prefeito Samir, do procurador jurídico da Prefeitura Eurides dos Santos, o arquiteto da Secretaria de Planejamento Allan Sievert, junto com o presidente da colônia Zequinha Viana e mais vinte pescadores do porto do centro.
O arquiteto apresentou ao grupo o projeto de revitalização da praia e um esboço da estrutura que será construída para o novo rancho. O prédio será independente do quiosque, entretanto a pessoa que ganhar a concessão para a exploração comercial do local também deverá ser responsável pela administração e limpeza da estrutura toda.
Os pescadores solicitaram ao prefeito rigor jurídico na concessão do espaço comercial com o objetivo de evitar problemas de relacionamento com os trabalhadores do porto e para que o concessionário não possa revender ou alugar o ponto, como aconteceu durante anos com os quiosques que existiam na praia.
Dentro das reivindicações, os pescadores solicitaram a colocação de refletores que iluminem a saída e entrada de barcos no canal do porto, do lado do Costão dos Náufragos, próximo da estatua de Iemanjá. Também foi pedida a construção de uma sala específica para guardar materiais de limpeza.

Começo
De acordo com Eurides, na segunda-feira, 27, inicia-se a remoção de lajotas da Beira-mar do centro para preparar o local para as obras de revitalização. Logo depois será demolido o antigo rancho para iniciar as obras do novo prédio. “Vamos torcer para que a empresa que ganhe a licitação seja idônea. Viemos aqui para executar. O prefeito tem o dinheiro na caixa para fazer a obra”, assegurou o procurador.
Com a confecção de uma minuta aprovada pelos pescadores, a Prefeitura vai solicitar a liberação dos recursos da emenda parlamentar do deputado Vignati. Serão investidos R$ 20 mil para a construção do novo rancho. “Vamos notificar aos pescadores 48 horas antes da demolição do prédio para que possam retirar ferramentas de trabalho, redes e embarcações”, encerrou Eurides. A secretaria de Obras também ofereceu apoio aos pescadores para retirar redes de pesca e outros materiais do rancho.
O projeto de revitalização da praia central teve o licenciamento ambiental da obra aprovado na terça-feira pela Fundação de Meio Ambiente do Estado (Fatma).
O prefeito ratificou durante a reunião que o porto vai permanecer do lado do Costão e que a política municipal vai privilegiar o crescimento da pesca artesanal local, oferecendo oportunidades de maior exploração da pesca aos pescadores da cidade.
 

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você