23.1 C
Piçarras
terça-feira 18 de junho de 2024


Dengue em Balneário Piçarras: 83 pessoas já contraíram a doença

“A contaminação de 66 pessoas aconteceu na cidade, enquanto outros 17 contraíram dengue em outras localidades”

Ouça a Matéria

Números epidemiológicos atualizados de Balneário Piçarras, publicados nesta quarta-feira, 24, revelam que 83 pessoas já contraíram dengue na cidade. Em situação de emergência em saúde pública pela infestação pelo mosquito Aedes aegypti (transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus) desde maio, foram 274 notificações para a doença – com 191 resultados laboratoriais apontando para o negativo.

“A contaminação de 66 pessoas aconteceu na cidade, enquanto outros 17 contraíram dengue em outras localidades”, pontua nota oficial do Governo Municipal. Desde janeiro, são 643 focos larvários positivos localizados pela equipe do Programa de Controle e Combate à Dengue. A crescente, especialmente de contágio, fez com que a equipe iniciasse um trabalho específico na tentativa de desacelerar a evolução negativa.

22 agentes atuam diariamente na cidade

Por meio da atuação diária da equipe, inspeções domiciliares buscam prevenir o surgimento do mosquito. Ao todo, 1.173 pneus foram recolhidos ao longo deste ano. O coordenador do Programa de Controle e Combate à Dengue, André Luiz Ladewig, também atuou com palestras nas unidades escolares para conscientizar os alunos para trabalhar as ações em suas residências junto aos familiares.

NOTIFICAÇÃO DE TERRENOS

O programa trabalha em conjunto com a Vigilância Sanitária e com a Secretária de Obras na limpeza de terrenos, também identificados durante as rotinas de inspeção. A notificação aos proprietários de terrenos com acúmulo de lixo dá ao dono imóvel 30 dias e possível prorrogação para realizar a limpeza. Caso não seja cumprido o prazo estabelecido, a prefeitura tem permissão para limpar o local e aplicar multa ao proprietário.

“Encontrar a localização do proprietário depende diretamente de que a pessoa mantenha um cadastro atualizado na prefeitura. O município deve, por lei, aguardar o prazo de notificação para que entre em ação com a limpeza do local”, enfatiza o coordenador. Em 2022, sete terrenos foram limpos para prevenir a proliferação de vetores nocivos para a saúde da população.

Para solicitar o recolhimento de pneus e a limpeza de terrenos, a população pode realizar uma denúncia na Ouvidoria Municipal, de forma presencial ou pelo telefone 3347-4704.

SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Em maio, o prefeito de Balneário Piçarras, Tiago Baltt (MDB), decretou situação de emergência em saúde pública pela infestação pelo mosquito. Naquele momento, eram apenas cinco pacientes com a doença.  No documento, medidas emergências na busca pelo controle da situação também foram autorizadas.

Pelo estado, a cidade de Balneário Piçarras já é considerada ‘infestada’ desde dezembro de 2019. Essa classificação, aferida pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive/SC), se deu em virtude de os agentes endêmicos também terem localizado, com frequência, focos do mosquito em residências situadas em um raio de 300 metros de armadilhas estratégicas do Programa. Desde então, Balneário Piçarras não conseguiu mais controlar a situação, mesmo decretando ações de enfrentando e promovendo mutirões de limpeza.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você