20.6 C
Piçarras
terça-feira 18 de junho de 2024


Duda Bueno (Cidadania) assume cadeira na Câmara de Vereadores de Penha

“Não sou o Governo hoje, me se for para me declarar, me autointitular, me intitulo oposição”

Ouça a Matéria

Eduardo Bueno, primeiro suplente do Cidadania, assumiu durante a sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Penha desta segunda-feira, 4, a cadeira de João Antônio Costa (Cidadania), o Barriga – licenciado por tempo indeterminado para tratamento de saúde. “Meu posicionamento vai ser em prol da cidade de Penha. Não sou o Governo hoje, me se for para me declarar, me autointitular, me intitulo oposição”, adiantou Duda Bueno, que ao longo dos últimos seis anos esteve ligado à atual gestão do prefeito Aquiles da Costa (MDB).

“Algumas pautas polêmicas, projetos de lei polêmicos como outorga onerosa, código tributário. Mas, sobretudo, com carinho especial voltado para Educação, para infraestrutura e para o funcionalismo público, a valorização do servidor público”

DUDA BUENO
FOTO, VICTOR MIRANDA / CVP

Sem saber ao certo o período que permanecerá na titularidade da cadeira eletiva, Duda afirmou que “o período que eu ficar eu pretendo me dedicar a todas as pautas que já estão sendo debatidas na Câmara. Algumas pautas polêmicas, projetos de lei polêmicos como outorga onerosa, código tributário. Mas, sobretudo, com carinho especial voltado para Educação, para infraestrutura e para o funcionalismo público, a valorização do servidor público”. Nas eleições de 2020, Duda, bacharel em Direito, somou 216 votos.

No entanto, pontua que seu trabalho de “oposição” terá como contribuição as sugestões para a solução de problemas. “Mas, o meu posicionamento vai ser em prol da cidade de Penha. Não sou o Governo hoje, me se for para me declarar, me autointitular, me intitulo oposição. Mas, não oposição às pessoas ou oposição a quem está lá, mas, oposição a maneira que vem sendo governada a nossa cidade, uma oposição propositiva onde eu quero tecer a crítica – mas, ao mesmo tempo apontar a solução do problema”, categorizou.

Para as próximas sessões, o vereador pelo Cidadania prepara uma série de pedidos por informações de ações desenvolvidas em áreas específicas, como Educação, Saúde e infraestrutura. “Pretendo sim é verdadeiro papel do vereador, que é legislar e fiscalizar – principalmente fiscalizar. Tem algumas coisas que a gente tem que olhar com grande cuidado, algumas informações que a gente precisa que a Prefeitura passe para Câmara de Vereadores para que a gente possa debater e até dar algumas respostas para população.  É dessa forma que eu quero conduzir o meu trabalho na Câmara nesse momento”, pontuou Duda.

“Tem algumas coisas que a gente tem que olhar com grande cuidado, algumas informações que a gente precisa que a Prefeitura passe para Câmara de Vereadores para que a gente possa debater e até dar algumas respostas para população”

DUDA BUENO
FOTO, VICTOR MIRANDA / CVP

Em janeiro deste ano, Duda anunciou seu desligamento do alto escalão do governo do prefeito de Penha – após estar como secretário de Gestor de Águas, Controladoria, Governo, Administração e Fazenda, num período acumulado desde janeiro de 2017. Neste momento, muito próximo do ex-prefeito Evandro Eredes (PSDB), Duda, categoriza que saiu “do governo pela porta da frente. Deixei lá grandes amigos, mas infelizmente a maneira com que o governo vinha administrando a cidade – de forma um pouco truculenta – faltando muito o diálogo, que é o que eu prezo bastante, e algumas outras atitudes fizeram com que eu não concordasse e achei por bem sair. Dei minha parcela de contribuição”.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você