23 C
Piçarras
quarta-feira 17 de abril de 2024


Farmácia Comunitária inicia processo de descentralização

Ouça a Matéria

Desde o começo de setembro a Farmácia Comunitária começou a funcionar de forma descentralizada com o objetivo de melhorar o seguimento de pacientes de controle e assim garantir o sucesso de tratamentos em adultos e idosos. Cada posto de saúde do bairro será responsável por disponibilizar os medicamentos controlados para pacientes a partir de 65 anos de idade com diabetes ou hipertensão.
O coordenador do Programa de Estratégia da Família, Maurício Coimbra, reorganizou o funcionamento da Farmácia comunitária para poder verificar se os 3.800 pacientes cadastrados no programa de Hipertensão e Diabetes estão seguindo as indicações dos médicos da Secretaria da Saúde. “Estamos atendendo o pedido do prefeito Samir Mattar, que solicitou que os idosos recebam o medicamento em casa. Com esta nova organização vamos a poder conferir pela cartela do remédio já usado se o paciente está tomando direito a medicação”, explicou Coimbra.
O captopril, o medicamento mais utilizado para o controle da hipertensão, chega para a Saúde através de várias empresas que vencem as licitações. De acordo com levantamentos da Secretaria existem casos de idosos que se enganam com os horários ou as quantidades de pílulas e acabam tendo problemas no tratamento. “Desta fora o agente comunitário vai estar visitando os pacientes a partir de 65 anos para verificar que tudo esteja nos conformes e que o tratamento esteja sendo seguido normalmente”, encerrou Maurício.
Dentro das modificações, os pacientes que estejam recebendo agulhas para o controle da diabetes deverão passar a retirar as novas pela Unidade Central, deixando as velhas já utilizadas com um responsável da área. Desta forma a própria Secretaria vai se responsabilizar por acondicionar as agulhas para dar destino através da coleta de lixo hospitalar.
Medicamentos
A Secretaria também anunciou recentemente a compra de 700 mil comprimidos para o tratamento das principais doenças de estação. Os medicamentos incluem antibióticos para o tratamentos de gripes e viroses que foram escolhidos e base a dados epidemiológicos e servirão para abastecer os pacientes do município durante três meses.
 

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você