24.5 C
Piçarras
quarta-feira 17 de abril de 2024


CRM apura o caso de médico flagrado atendendo em estado de alteração

Conselho Regional de Medicina informou à reportagem que já investiga o profissional

Ouça a Matéria

O Conselho Regional de Medicina (CRM) confirmou que irá investigar a conduta do médico que foi flagrado visivelmente alterado realizando atendimentos no Pronto Atendimento 24h de Penha – no último dia 18. Em resposta à reportagem o colegiado afirmou ter tomado “conhecimento da situação e vai apurar o caso”.

LEIA TAMBÉM: Penha instaura processo administrativo para investigar médico que atendia sob “influência de algumas substâncias”

O Jornal do Comércio enviou e-mail ao Conselho na manhã do dia 19, solicitando uma posição quanto à postura do médico – que foi imediatamente afastado da unidade pelo Governo Municipal. A resposta foi remetida no último dia 21, confirmando a abertura de processo para avaliar o profissional.

Cabe ao CRM fiscalizar a atuação dos médicos, garantindo que ela esteja de acordo com o Código de Ética da profissão. Nos casos que ferem a ética médica, o Conselho vai julgar e até suspender ou cassar o registro do profissional.


O prefeito de Penha, Aquiles da Costa (MDB), confirmou na manhã desta quarta-feira, 21, a instauração de processo administrativo para apurar as responsabilidades e penas do episódio. “Então, esse caso não vai passar em branco. Nós estamos instaurando um processo administrativo que vai apurar as penas, responsabilidades e, se for necessário, medida judiciária de apresentação junto ao CRM para que essa pessoa – que ao meu juízo não deveria nem possuir um CRM – não faça mais como o que aconteceu aqui no último domingo na cidade de Penha”, afirmou Aquiles.

O gestor confirmou que, naquele dia, o profissional estava em seu terceiro plantão e já havia atendido cerca de dez pacientes – que tiveram os protocolos revistos por outros profissionais da escala. O vídeo do atendimento médico viralizou nas redes sociais e ganhou os noticiários da imprensa nacional.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você