27 C
Piçarras
segunda-feira 26 de fevereiro de 2024


Defesa Civil e Vigilância Sanitária lacram estabelecimento comercial em Balneário Piçarras

Ouça a Matéria

A Defesa Civil de Balneário Piçarras e Vigilância Sanitária fecharam, por medida cautelar, um estabelecimento comercial no centro da cidade. O estabelecimento já havia sido notificado sobre o descumprimento das medidas estabelecidas em Decreto Municipal, em face das ações de Prevenção e Combate ao Coronavírus. Este é o primeiro estabelecimento lacrado por este motivo na cidade.

“Já havíamos notificado verbalmente a proprietária do local algumas vezes. Observamos que o estabelecimento continuava não cumprindo com as obrigações, possibilitando aglomeração, não respeitando o distanciamento adequado, facilitando a entrada de pessoas sem máscaras, entre outras medidas descritas no Decreto Municipal”, explicou a Coordenadora de Defesa Civil do município, Carla Krug.

O Decreto Municipal 45/2020 está disponível na internet, através do coronavirus.picarras.sc.gov.br, que é o portal criado pela Prefeitura de Balneário Piçarras para concentrar informações sobre a Prevenção e Combate ao Coronavírus na cidade. A Defesa Civil já visitou mais de 800 estabelecimentos comerciais praticando a conscientização quanto às medidas obrigatórias.

“Precisamos nos conscientizar. Estamos solicitando o apoio dos empresários para que entendam que as medidas servem para a nossa proteção. Precisamos evitar ao máximo o aglomero de pessoas, exigindo o uso de máscara, manter o distanciamento mínimo de 1,5 metros e oferecer uma forma rápida de higienização das mãos”, solicitou Carla.

A Defesa Civil e a Vigilância Sanitária também poderão atuar em demais casos caso observem o descumprimento das regras. “Notificaremos os estabelecimentos que não cumprirem com as medidas e caso ocorrer a reincidência, haverá o fechamento do local”, frisou a Coordenadora. A população pode denunciar através do (47) 99155-0450.

A Polícia Militar também é parceira na ação e atua na observação do cumprimento das medidas estabelecidas. No caso específico da interdição, caso ocorra a reabertura ilegal do local, a Polícia Militar poderá agir e os proprietários do local responderão criminalmente.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você