22.8 C
Piçarras
quarta-feira 24 de abril de 2024


Adolescente perde a vida após disparo acidental de arma de fogo, em Camboriú

Ele brincava na casa de um amigo, filho de um policial militar, quando acharam a pistola escondida; o menino foi lhe mostrar a arma, que acabou disparando

Ouça a Matéria

Um jovem de 13 anos perdeu a vida na noite desta quarta-feira, 24, na cidade de Camboriú, vítima de um disparo acidental de arma de fogo – manuseada pelo amigo, um adolescente de 13 anos e filho de um policial militar. A arma particular do policial (pistola 9mm) foi achada guardada pelo filho enquanto eles brincavam em sua residência e, ao tentar mostrá-la ao colega, acabou disparando sem intenção.

“Foram duas tragédias. Uma da família que perde o filho e a outra da família da criança que causou o acidente”

A fatalidade, que será investigada pela Polícia Civil, ocorreu por volta das 18h, no bairro Rio Pequeno. A vítima, Lucas Joaquim da Silva, chegou a ser emergencialmente atendida, mas não resistiu ao disparo que acertou seu peito. “Foram duas tragédias. Uma da família que perde o filho e a outra da família da criança que causou o acidente”, disse o comandante da Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC), em Balneário Camboriú, Rafael Vicente.

O autor do disparo acidental foi por homicídio culposo – quando não há intenção de cometer o crime – com as questões legais do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) sendo norteadores. Já o pai foi i autuado pelo crime de omissão de cautela da arma de fogo.

Lucas era aluno do 6º ano da escola municipal Lucinira Melo Rebelo. Em nota, a Prefeitura de Camboriú citou “momento de dor e consternação, nossos corações estão com a família e amigos de Lucas. Perder um aluno tão jovem e cheio de sonhos é uma perda irreparável, e compartilhamos do luto que se abate sobre todos os que o conheciam. Nossos professores, funcionários e colegas de classe estão unidos nesse momento de tristeza, oferecendo apoio e solidariedade à família de Lucas. Que encontrem conforto e força para superar essa perda imensurável. Nossos mais profundos sentimentos”.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você