24.1 C
Piçarras
terça-feira 16 de abril de 2024


“Um sentimento inexplicável”, define Sargento que salvou a vida de adolescente

Ouça a Matéria

“Um sentimento inexplicável”. A frase é do sargento do Corpo de Bombeiros Militares de Santa Catarina (CBMSC), Flaviano Alves da Silva, que neste domingo, 17 – enquanto caminhava pela praia de Balneário Piçarras – salvou a vida de uma adolescente de 16 anos. Uma corrente de retorno arrastava a jovem para dentro do mar, momento em que ela foi resgatada já em grau 2 de afogamento.

“Ao avistar a adolescente sendo arrastada não tive dúvidas que teria que ajudar, pois ela mesma não conseguiria sair da corrente de retorno e na distância que estava da praia não dava mais pé – ela estava a cerca de uns 20 metros da praia”, detalhou o Sargento Alves, que é chefe de socorro lotado no Pelotão de Balneário Piçarras. Ele contou ainda com a ajuda do irmão da adolescente.

“Quando cheguei na moça, ela já estava exausta pois tentava nadar em vão contra a corrente”

“O mar na hora estava com bastante marola e com ondas médias. Quando cheguei na moça, ela já estava exausta pois tentava nadar em vão contra a corrente. Pedi que ela se acalmar e junto com um outro rapaz, que depois vim a saber que era seu irmão, consegui contornar a corrente de retorno e tiramos ela da água”, acrescentou ele, que atua no CBMSC há 28 anos.

Após realizar o resgate, por volta das 18h, ele acionou o CBMSC para finalizar o atendimento e posterior entrega da vítima ao Pronto Atendimento 24h de Balneário Piçarras. Ela foi entregue aos cuidados médicos consciente, orientada e com sinais vitais estáveis.

Sargento Alves frequenta Balneário Piçarras desde 2015, mudando-se em definitivo três anos depois. “No momento estou de licença especial para aí sim no mês de abril entrar para reserva remunerada sendo que estou com 30 anos e 02 meses de serviço dos quais 28 anos e 2 meses dedicados ao CBMSC”, encerrou.

POSTO GUARDA-VIDAS DESATIVADO
O afogamento foi registrado na região do posto guarda-vidas, 5, que já está desativado.  Em nota, a corporação local pontuou que “agora na baixa temporada, apenas o posto 04 e o posto 07 estão ativos, a bandeira preta de sinalização indica posto desativado, área sem guarda-vidas. Se visualizar alguém em perigo na água, ofereça algo que flutue, nunca se aproxime, você pode se tornar uma segunda vítima. Muita atenção e respeito pelas condições do mar, água no umbigo, sinal de perigo”.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você