23 C
Piçarras
quarta-feira 17 de abril de 2024


Interbairros de Balneário Piçarras custará R$ 4 para usuário sem o Cartão Cidadão

Ouça a Matéria

R$ 4. Esse é o valor da passagem do transporte público interbairros de Balneário Piçarras para os usuários que não possuírem o Cartão Cidadão. A decisão foi tomada por meio de decreto (759/2023) assinado pelo prefeito, Tiago Baltt (MDB), no último dia 16. O valor começa a valer a partir do dia 30.

Veículos rodam de segunda à sábado

LEIA
Aplicativo permite acompanhar itinerário do transporte coletivo de Balneário Piçarras

Em nota, o Governo Municipal afirmou que “o transporte público em Balneário Piçarras continuará sendo gratuito para aqueles que fizerem o cadastro e obtiverem o Cartão Cidadão Comum, PcD (Pessoa com Deficiência), Sênior ou Estudante”.

“O objetivo desta medida é proporcionar um serviço de qualidade e acessível para todos os cidadãos, garantindo a permanência do transporte gratuito para aqueles que se cadastrarem”, complementa o comunicado.

CLIQUE AQUI E VEJA O ITINERÁRIO

Os Cartões Cidadãos podem ser feitos no guichê permanente localizado na sede da prefeitura, que passará a atender das 7h30 às 13h30 – a partir da próxima segunda-feira, dia 23. A obtenção do cartão exige a apresentação de documentos específicos, conforme a categoria desejada.

Os veículos do interbairros de Balneário Piçarras, que podem ser ônibus ou micro-ônibus, não tem idade média superior a 10 anos de fabricação, possuem sistema de GPS para rastreamento, além de câmeras de segurança, sistema wi-fi gratuito e ar-condicionado.

A tarifa de R$ 4 será a menor tarifa cobrada na região da Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí (Amfri), da qual Balneário Piçarras faz parte.

FAÇA SEU CARTÃO

– Cartão Cidadão Comum: Para obter o Cartão Cidadão Comum, é necessário apresentar um documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência.

– Cartão Cidadão PcD (Pessoa com Deficiência): Para os cidadãos com deficiência, é necessário fornecer um documento de identificação com foto, CPF, comprovante de residência e um laudo médico que ateste a deficiência.

– Cartão Cidadão Sênior: Para os idosos, a obtenção do Cartão Cidadão Sênior requer um documento de identificação com foto, CPF e comprovante de residência.

– Cartão Cidadão Estudante: Os estudantes devem apresentar um documento de identificação com foto e CPF. Caso o aluno seja menor de idade, é necessário também fornecer o documento do responsável, um comprovante de residência e um atestado de matrícula.

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você