18.9 C
Piçarras
segunda-feira 22 de abril de 2024


Câmara de Penha retoma sessões ordinárias

Ouça a Matéria

Após duas reuniões extraordinárias convocadas pela Prefeitura, a Câmara de Vereadores de Penha retoma as ordinárias nesta segunda-feira, 21, e quinta-feira, 24. Às vésperas de um novo ano eleitoral, o presidente do Legislativo, Cleiby Darossi (PTB), acredita que as sessões deste ano sejam ainda mais quentes.
Para a primeira reunião, que começa às 19h, os vereadores já possuem três projetos de lei e diversos requerimentos para discutir. Um dos projetos proíbe a utilização de sacolas plásticas nos estabelecimentos comerciais, ideia de autoria de Sérgio Mello (PMDB). Contudo, o ponto alto da sessão de abertura deve ficar para o final.
“A tribuna livre deve ser o forte da primeira sessão. Os vereadores estão há muito tempo sem este espaço democrática de expressão”, acredita Darossi. A última sessão ordinária aconteceu em 13 de dezembro e, desde então, os trabalhos foram paralisados para o recesso legislativo. O presidente espera que as sessões deste ano sejam ainda mais polêmicas, justamente por antecederam um ano eleitoral.
“Será um ano de bastante polêmica. Discursos mais inflamados e direcionados devem ser presenciados com frequência”, prevê. Nos dois primeiros anos a Câmara de Vereadores de Penha foi palco de manifestações públicas em determinadas votações, além de vários embates verbais que fizeram as sessões se estender além do prazo.
Com a previsão de sessões quentes, a base aliada ao governo municipal perde um militante de discurso afinado. O vereador, Jeferson Ademir Custódio (PSDB), deve anunciar seu afastamento temporário da Câmara para assumir a chefia de gabinete do prefeito, Evandro Eredes dos Navegantes (PSDB). Em seu lugar entra o suplente, Célio Adolfo Francisco (PSDB), que deve permanecer na cadeira por três meses.
 

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você