18.2 C
Piçarras
segunda-feira 27 de maio de 2024


Defesa de Douglas da Costa (PL) se manifesta: “não se sustenta manter a prisão”

Foto, Felipe Franco / JC
Ouça a Matéria

Os advogados que representam o prefeito afastado de Barra Velha, Douglas Elias da Costa (PL), emitiram na manhã desta sexta-feira, 3, uma nota oficial sobre a decisão do Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) que aceitou a denúncia oferecida pelo Ministério Público de Santa Catarina (MSC) – o tornando réu no processo. Eles mantem a versão de inocência e observam a ausência de elementos para mantê-lo preso.

LEIA
TJSC aceita denuncia e Douglas (PL) e mais sete viram réus na ‘Operação Travessia’

“Foram coletadas muitas provas, entretanto, nada se achou que comprometesse Douglas. Além disso, seu patrimônio é o mesmo que tinha antes de tomar posse como prefeito. Entendemos que não se sustenta manter a prisão sem nenhum tipo de fundamento, nenhuma justificativa, e isso é o que mais tem feito seus familiares, amigos e eleitores se indignarem e, sobretudo, sofrerem”, cita a nota assinada pelos advogados Eduardo Antônio da Silva e Sheila Jaqueline da Costa Scherer.

Douglas segue na carceragem do Complexo Penitenciário Vale do Itajaí. Eles confirmaram que “foi oferecida denúncia pelo Ministério Público por fraude à licitação, cumulada com peculato. Cabe esclarecer que houve uma absolvição sumária por fraude à licitação referente ao contrato com uma das empresas envolvidas, e que Douglas não foi, em nenhum momento, acusado pelo crime de corrupção”.

“Douglas está bem, confiante no êxito de sua defesa, tem plena convicção de sua inocência e está colaborando com as autoridades para o esclarecimento de todos os fatos”

Ao fim do comunicado, os advogados salientam que “Douglas está bem, confiante no êxito de sua defesa, tem plena convicção de sua inocência e está colaborando com as autoridades para o esclarecimento de todos os fatos. Além disso, cabe esclarecer que, durante toda sua trajetória na vida pública, nunca foi oportunista. Estamos focados em provar a inocência do prefeito Douglas e esclarecer todos os fatos ao término deste processo”.

1 COMENTÁRIO

1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
TJSC aceita denuncia e Douglas (PL) e mais sete viram réus na ‘Operação Travessia’
24 dias atrás

[…] advogados que representam o prefeito afastado de Barra Velha, emitiram na manhã desta sexta-feira, 3, uma nota oficial sobre a decisão do TJSC. Eles mantem a versão de inocência e observam a ausência de elementos para mantê-lo preso. […]

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você