25 C
Piçarras
terça-feira 23 de abril de 2024


Responsável pelos primeiros R$ 500 mil à APAE, Jorge pede apoio aos demais vereadores

Ouça a Matéria

O vereador de Balneário de Piçarras, Jorge Luiz da Silva (MDB), utilizou a tribuna da Câmara para solicitar aos demais parlamentares para que intercedam junto de seus deputados estaduais e federais na disponibilização de recursos em prol da construção da sede da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE). Ele é o intermediador dos primeiros R$ 500 mil destinados à associação.

LEIA
APAE de Balneário Piçarras conquista primeiro aporte financeiro para construir a sede própria

“Acho que os partidos políticos, os vereadores, se cada um conseguir um pouco a mais para a APAE eles conseguem levantar essa estrutura”, disse Jorge, fazendo alusão à quantia para construção da primeira etapa do complexo projeto: R$ 1.476.000,00. Deputados estaduais e federais possuem verbas de gabinete, conhecidas por emendas parlamentares, as quais devem ser distribuídas em prol de políticas públicas.

Por isso, Jorge reforçou aos dez colegas do parlamento piçarrense para que intercedam junto aos deputados com os quais possuem maior contato. “Isso não de depende do prefeito ou do secretário, acho que depende um pouco de nós também. Sermos insistentes e cobrar lá do deputado: olha, pedi voto pra ti, dobrei a camisa, então agora você precisa colaborar também”, acrescentou.

“Isso não de depende do prefeito ou do secretário, acho que depende um pouco de nós também. Sermos insistentes e cobrar lá do deputado”

JORGE LUIZ DA SILVA (MDB)

Na semana passada, por intermédio da articulação de Jorge, o deputado federal Rafael Pezenti (MDB/SC) anunciou a destinação de R$ 500 mil para construção da sede própria da APAE. Na visão do parlamentar local, a obra que irá elevar a qualidade do trabalho desenvolvido com os, hoje, 180 alunos é prioridade. “Eu acredito numa pirâmide de prioridade e sem dúvidas que a APAE está no topo”, reforçou.

Já o deputado federal Pezenti afirmou que fez “questão de indicar esses recursos para a APAE depois que o vereador Jorge me levou até lá e pude conhecer o importante trabalho que é realizado na instituição. O profissionalismo, o amor e a dedicação de todos os envolvidos com a escola me sensibilizaram. Tenho certeza de que esses R$500 mil serão bem aplicados. É um dinheiro que não sai do meu bolso, é recurso do cidadão que agora retorna para o município e vai resultar em melhorias significativas na estrutura da sede da APAE e, sobretudo, contribuir para a continuidade do serviço de qualidade que é oferecido há tantos anos aos mais de 170 alunos que são atendidos diariamente”.

COBRANÇA POR AUMENTO NOS REPASSES
Jorge ainda endossou seu discurso cobrando do Governo Municipal por um incremento nos valores mensalmente repassados à entidade – através de projeto de lei. “Tenho falado com o prefeito e os secretários de que precisa aumentar um pouco mais o repasse […] Muitas pessoas só vão saber da importância da APAE aqui para o nosso município quando a APAE parar”, cobrou.

Conforme projeto aprovado no início do ano, o Poder Público aporta ao longo do ano a quantia de até R$ 250 mil à APAE. “Sai muito barato ainda se puder acrescentar ali uns R$ 200 mil, R$ 300 mil no que já é repassado por ano para APAE. Porque daí consegue trabalhar um pouco mais tranquilo, um pouco mais aliviado”, categorizou, em analogia a uma possível transferência ao município do trabalho desenvolvido pela associação.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você