26.2 C
Piçarras
terça-feira 16 de abril de 2024


Polêmica com cães termina com pedido para adoções

Ouça a Matéria

Os latidos e o forte odor incomodavam a vizinhança, na Rua João Vieira, que desde novembro, pedia por uma solução para a residência da senhora M.A.K, que abriga, atualmente, 16 cães, mas que já foi o ‘lar’ de 21. Após muita conversa, a Vigilância Sanitária de Penha convenceu a moradora a doar os cães, que agora aguardam por novos lares.
Dos 21 animais, cinco foram enviados para uma ONG na tarde desta quinta-feira, 12. Ontem, sexta-feira, 13, a moradora aceitou doar os animais. “É uma questão que já atingia problemas de saúde pública em virtude da sujeira e os parasitas que se instalaram na residência”, afirma a responsável pela Vigilância, Célia da Silva, que vinha trabalhando no caso desde o ano passado.
Antes do desfecho, a Vigilância castrou todas as dez fêmeas. “Só conseguimos isso com o auxílio de um oficial de justiça, que nos autorizou a entrar na casa e pegar os animais”, lembra. “Não é fácil conseguir um local para estes animais. Além disso, essa senhora é totalmente contra isso”, disse Célia. Após muita conversa, M.A.K foi convencida a doar os animais. Quem tiver interesse de adotar um dos cães pode ligar para a Vigilância – 3345.8283
Contudo, a solução foi demorada e desgastante. A Vigilância precisou pedir o apoio do Ministério Público e até de um oficial de justiça, que foi acionado para que equipe da Saúde pudesse retirar as dez cadelas e realizar a castração. “Utilizamos todos os mecanismos disponíveis para resolver esse problema. Agora precisamos contar com o apoio da comunidade para que todos os cães sejam adotados”, solicita Célia.
A revolta popular é facilmente vista da calçada da residência, que vem passando por uma reforma em virtude do estado de abandono em que se encontrava. Pedras no telhado e foguetes espalhados pelo terreno demonstram o cansaço dos moradores com os latidos e odor fétido. “É uma moradora com um poder aquisitivo bastante elevado. Não há explicação para este caso”, finaliza.
 

REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
REDAÇÃO, JORNAL DO COMÉRCIO
Desde 1989 informando a comunidade. Edição impressa semanal sempre aos sábados.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você