21 C
Piçarras
quinta-feira 18 de abril de 2024


PMSC e Segurança Pública intensificam rondas escolares após mensagem ameaçadora

Ouça a Matéria

A Polícia Militar de Santa Catarina (PMSC) e Secretaria de Segurança Pública de Balneário Piçarras reforçam as rondas escolares nesta terça-feira, 31 – motivados por uma mensagem que circula no WhatsApp. A mensagem traz um contexto subliminar sobre um possível atentando “em todas as escolas da região de Balneário Piçarras”. Autoridades investigam a autoria.

LEIA:
Escola estadual de Penha tem decoração de halloween que simula chacina

“Não há como saber sobre a veracidade de tal mensagem. Pode se tratar apenas de uma brincadeira de péssimo gosto. Independentemente, reforçamos as rondas policiais em todas as escolas

CAPITÃO IGLESIAS

“Não há como saber sobre a veracidade de tal mensagem. Pode se tratar apenas de uma brincadeira de péssimo gosto. Independentemente, reforçamos as rondas policiais em todas as escolas como forma de prevenção e iremos abordar qualquer cidadão em atitude suspeita nas proximidades escolares”, frisa o capitão da PMSC, João Gabriel de Moura Iglesias.

Denúncias podem ser feitas de forma anônima para o 190 ou (47) 3398-6172 – ou ainda ao WhatsApp da Secretaria de Segurança Pública de Balneário Piçarras: (47) 9 9119.0389. O secretário, Paulo Debatin, pontua que sua equipe também reforça as rondas. “Tudo indica que seja uma fake news de péssimo gosto. Mesmo assim, estamos atuando em intensa ronda em todas as unidades. Há agentes também em unidades estratégicas”, assegurou Debatin.

“Tudo indica que seja uma fake news de péssimo gosto. Mesmo assim, estamos atuando em intensa ronda em todas as unidades”

PAULO DEBATIN

O secretário reforçou que recebeu a mensagem na noite desta segunda-feira, 30, momento em que acionou a Polícia Civil e a PMSC para iniciar uma investigação. “Há alguns indicativos que revelam de onde essa mensagem tenha partido. Mas, vamos trabalhar com precisão para que o autor possa ser identificado”, encerrou.

Às 11h50, o Governo Municipal enviou nota ao Jornal do Comércio: “recebemos este material ontem e, em conjunto com a Polícia Militar e a Polícia Civil, estamos averiguando a situação. As rondas escolares também foram reforçadas hoje (SMSP, PM e PC), apesar de tudo indicar que se trata de uma fake news de muito mau gosto. De outra parte, a investigação de quem disparou este material também está em curso”.

*Matéria atualizada às 11h53 com a inclusão da nota do Governo Municipal.

Confira também
as seguintes matérias recomendads para você